Designa-se por Glaucoma o conjunto de patologias do nervo óptico, frequentemente associadas ao aumento da pressão intra-ocular (que a Medicina pode controlar) mas também por factores degenerativos/genéticos, fora do âmbito da Oftalmologia).

A pressão intraocular elevada é um fator de risco significativo para o desenvolvimento de glaucoma, apesar de ser possível uma pessoa desenvolver danos no nervo mesmo apresentando pressão intraocular normal - pode ainda não desenvolver glaucoma apresentando pressão intraocular elevada durante anos. Reduzir a pressão diminui a perda visual.

Se não for tratado, o glaucoma leva ao dano permanente do disco óptico da retina, causando uma perda progressiva do campo visual e cegueira.

Existem vários tipos de cirurgias que se destinam a aliviar a pressão intraocular por drenagem do humor aquoso, e outras que agem sobre sua produção - o objectivo é sempre o alívio da pressão intra-ocular:

  • Trabeculoplastia LASER
  • Iridiotomia LASER
  • Trabeculoctomia
  • Dispositivos de drenagem (Ahmed, Express)
Convenções:

ver todos