LASER YAG

O Laser de Yag é uma ferramenta moderna e útil que o oftalmologista dos nossos dias tem ao seu alcance.

Os tratamentos realizados com este laser são realizados na área da consulta externa e não implicam nenhuma interrupção do dia a dia normal do doente tratado.

Entre as patologias mais frequentemente tratadas encontram-se a Opacidade da Cápsula Posterior e o Glaucoma de Ângulo Fechado.

1. A Opacidade da Cápsula Posterior pode ocorrer, meses ou anos após cirurgia de catarata e a utilização do Laser de Yag resolve esta situação eficazmente com recuperação da acuidade visual perdida.

No passado estes doentes tinham que ser submetidos a uma cirurgia para a resolução deste problema. O Laser Yag evita esta cirurgia.

2. O Glaucoma do Ângulo Fechado, na sua forma aguda ou na sua prevenção beneficia do Laser de Yag que permite realizar uma passagem alternativa ao humor aquoso (através de uma iridotomia). Assim, o Laser Yag pode tratar ou prevenir o aparecimento do glaucoma agudo.

LASER Argon

O Laser de Argon é utilizado em Oftalmologia para realizar um tipo de tratamento denominado de Fotocoagulação - é, na maioria dos casos, realizado com anestesia tópica (gotas) colocando uma lente de contacto especial e adequada ao tipo de tratamento e zona do olho que se pretende tratar.

Ao contrário do que muitas vezes se ouve dizer não é necessário proceder a qualquer tipo de fixação do paciente, sendo o tratamento indolor quando utilizados os parâmetros adequados.

Na generalidade, as principais indicações do Laser de Argon em Oftalmologia são as situações de:

  • Glaucoma: na realização de Iridotomias, Iridoplastias e Trabeculoplastias.
  • Doenças Vasculares da Retina: sobretudo na Retinopatia Diabética (onde a fotocoagulação se reveste de importância fundamental para evitar a progressão da doença e a cegueira), mas também nos processos de Trombose Venosa, Macroaneurismas, situações de Vasculite Retiniana e, no fundo, todas as situações clínicas que possam dar origem a Isquémia Retiniana sempre passível de se complicar com a formação de neo-vasos os quais poderão dar origem a complicações graves intra-oculares
  • Doenças Degenerativas da Retina Periférica - buracos ou rasgaduras da retina que, se não tratados poderão dar origem ao Descolamento da Retina, revestindo-se o Laser de Argon de uma importância fundamental na profilaxia/prevenção desta situação.
  • Doenças da Coróideia - Tumores, Hemangiomas e Membranas Neo-Vasculares.
  • Hemorragias do Vítreo e Descolamentos complicados da Retina.
Convenções:

ver todos